Área Restrita
Portal

MedSys.Net
 Dúvidas?
Imprensa
Equilíbrio entre coração e mente

Jornal Vidaqui - Edição nº 361 - 14 a 20 de setembro de 2012

 

O coração possui comunicação com o nosso sistema nervoso que processa os aspectos mentais, emocionais e fisiológicos. Em situações de estresse, ansiedade e depressão, os batimentos cardíacos se tornam desregulados e influenciam a pressão arterial, o sistema imunológico e a respiração.

A coerência cardíaca é um processo sistêmico que promove a comunicação equilibrada entre o coração e o cérebro através de exercícios de respiração e técnicas de concentração e relaxamento. Os exercícios ajudam a controlar o ritmo cardíaco harmonizando-os com o cérebro e podem ser realizados em qualquer momento do dia, sempre que necessário. Quando se consegue controlar os batimentos cardíacos, a probabilidade de desenvolver doenças é menor. O exercício proporciona tranquilidade, sensação de bem-estar, diminuição da hipertensão, melhora da concentração e memória.

 

Siga os passos para atingir a coerência cardíaca:

1 – Esqueça as preocupações, pelo menos por um momento. Respire profundamente e concentre-se na expiração e inspiração. Repita o processo por algumas vezes.

2 – Foque a atenção na região do coração, como se estivesse respirando através dele.

3 – Perceba sensação de calor na região do coração e incentive essa sensação com sentimentos e pensamentos de gratidão, amor, lembrança de uma cena agradável, ou mesmo experimentando fazer uma prece. Escolha o que faz você se sentir cada vez melhor.

 

Quando sentir uma sensação de calor e expansão no peito, você terá atingido a coerência cardíaca, o que significa que o coração estará enviando uma mensagem ao cérebro emocional de que tudo está sob controle e então ele poderá trabalhar melhor e com mais eficiência.

Crie o hábito de fazer este exercício por 10 a 15 minutos sempre ao acordar e antes de dormir. Diante do estresse do dia a dia, é muito importante buscar ações que reorganizam a nossa estrutura física e mental, e que proporcionam paz e alívio para a alma.

 


Publicado em: 19/09/2012 - Fonte: Enfª Luciana Scheffel, Auditoria Plasac Saúde