Área Restrita
Portal

MedSys.Net
 Dúvidas?
Imprensa
As doenças que aparecem nesta estação

Jornal Vidaqui - Edição 353 20 a 26 de julho de 2012

 JornalJ No frio além de baixas temperaturas temos baixa umidade do ar, que somado a uma maior concentração de poluentes, é um prato  cheio para as conhecidas doenças de inverno. Temos aumento da procura principalmente de idosos e crianças aos pronto-socorros, e conseqüentemente ao um aumento no número de internações.

GRIPE: É uma infecção causada pelos vírus influenza, que são mutantes. Causa muita sintomatologia com febre alta, calafrios, fraqueza, dores múltiplas, sendo causa de alto índice de abstinência no trabalho. A transmissão ocorre pelo ar, fala, espirros e tosse.

AMIGDALITE: É uma infecção das amígdalas, que servem como filtros evitando que infecções se propaguem para outros órgãos. Os sintomas são dor de garganta, principalmente ao engolir, febre, mal hálito e inchaço nos gânglios do pescoço.

RINITE:É a mais comum das doenças alérgicas, com inflamação da mucosa do nariz. Os sintomas são espirros, entupimento do nariz .

SINUSITE: É a inflamação da mucosa que reveste os seios da face, cavidades do crânio em torno do nariz. Os sintomas são dor de cabeça, nariz entupido e coriza mucopurulenta.

ASMA:É  uma inflamação dos pulmões e das vias aéreas, caracterizada por chiado no peito, tosse e sensação de falta de ar. Muito comum em crianças, mas temos também em adultos. Não há prevenção e sim controle.

BRONQUITE:  É uma inflamação dos brônquios, que impede a chegada do ar aos pulmões. A forma aguda é causada por vírus e bactérias. A crônica é recorrente. Seus sintomas são tosse seca com chiado, eliminação de catarro, dor no peito, fadiga, mal estar e febre. Pode estar ligada a alergias e é agravada com fumo ou o contato com fumante.

PNEUMONIA: É a infecção aguda dos pulmões por bactérias, vírus ou fungos. Normalmente ocorre quando há baixa de imunidade. Os sintomas são tosse com catarro, dor no tórax, calafrios, suor, palidez e febre alta.

Podemos  tomar alguma atitudes para nos protegermos:

  • Beber muito líquido,
  • Manter exercícios físicos pois os mesmos aumentam a capacidade respiratória,
  • Ingerir frutas e verduras fresca, ricas em vitamina C,
  • Manter limpas roupas de cama, cobertores, cortinas e tapetes,
  • Manter casa arejada,
  • Evitar fumo, e ambientes com fumantes,
  • Lavar mãos com freqüência.

Além destes cuidados não se esqueça da vacinação.

 


Publicado em: 20/07/2012 - Fonte: Dra Rosana Barnez, Gerente Médica